24 de fevereiro de 2011

Até mais Governador Valadares!

Depois de 56 anos, mudança de rumo...

Ainda não tinha completado 7 anos quando minha família aqui chegou vindo da cidade mineira de Muriaé berço natal de meu saudoso Pai e de um irmão.



Governador Valadares era ainda uma CIDADE tão MENINA,  quanto eu, mas já emancipada e conhecida como "PRINCESA DO VALE" e também pelo "CLIMA QUENTE" durante os 12 meses do ano.
Éramos uma família humilde em busca de melhores oportunidades para se viver...
Eu tive uma infância tranquila, com brincadeiras nos grandes quintais apinhados de frutas ou na porta das casas.
Algo muito prazeroso era ouvir o apito do TREM DE FERRO  anunciando sua chegada, ora carregado de minérios, ora repleto de passageiros que se deslocavam pela Estrada de Ferro Vitória/Minas.
Ali de pé perto da cancela ficava a imaginar como seria "bacana" fazer uma viagem  naquele TREM DE FERRO tão comprido...


Como é bom ser criança, tudo é motivo de festa e alegria!!
A imponência do trem me encantava e não me cansava de vê-lo chegar, deslizando devagarinho pelos trilhos com aquele barulhão!!!  Piuuu!! Piuuuu!


Em poucos minutos a Praça da Estação ficava lotada de passageiros e de outras pessoas que vinham recepcionar seus amigos e parentes, formando um delicioso burburinho... 
Meu Pai trabalhava na área comercial e nos criou com as dificuldades de um cidadão pouco remunerado, dai minha grande vontade de estudar para ajudar meus familiares tão logo conseguisse um bom emprego e estivesse preparada...
Iniciei meus estudos na Escola Estadual Prof. Nelson de Sena a melhor Escola Pública da época, muito limpa e organizada, com uma merenda tão saborosa e nutritiva, feita  para ninguém colocar defeito!


O Colegial foi feito no Instituto Imaculada Conceição, um educandário muito bem orientado pelas Irmãs Clarissas Franciscanas, cuja proposta pedagógica se baseia no:
- respeito à natureza;
- comprometimento com o saber científico e crítico, voltado para a realidade e formação do cidadão consciente e onde mais tarde meus dois filhos estudaram. 


Governador Valadares é uma cidade plana, e em décadas passadas um meio de transporte muito utilizado pelos valadarenses era a bicicleta.
Aqui quase todos tem ou já tiveram uma bicicleta.
Particularmente eu gosto muito de pedalar, o que me motivou a elaborar essa POSTAGEM,  dê uma olhadinha! 

Minha Adolescência foi muito tranquila, com direito ao "footing" = passeio a pé, para espairecer, flertar e descobrir os "gatinhos" na linda Praça SERRA LIMA, no centro da cidade. Um tempo mágico, muito romântico... 
Experiência que os jovens de hoje não desfrutam!!!


Aqui me casei e constituí minha pequena família.
Governador Valadares é berço Natal dos meus dois mais preciosos tesouros: HUMBERTO e RAFAEL. 
Exerci minhas atividades profissionais a princípio como Professora Primária, alfabetizando centenas de crianças, hoje engenheiros, médicos, dentistas , militares, diretores, professores, como eu fui. 
No SENAC/GV preparei e reciclei pessoas para o desenho das atividades  no comércio, no PRO-MENOR contribui para a recuperação e formação de adolescentes de baixa renda, um trabalho muito bonito que deixou saudade!!!



Fiz minha graduação e especialização na Universidade Vale do Rio Doce-UNIVALE exercendo por mais de 2 décadas as funções de Secretária Executiva, Assistente e Chefe de Gabinete, nos dois CAMPI e onde encerrei minhas atividades profissionais, depois de trabalhar por 40 anos.



Uma época de muito crescimento pessoal e profissional...
O trabalho era intenso não via as horas passarem, aprendi muito, alarguei meus horizontes, assim como conheci muitas pessoas interessantes... 
Na UNIVALE também trabalhou, por mais de 35 anos, minha irmã/afilhada - Rita de Cássia na área contábil e ainda hoje trabalha meu filho caçula, como Professor.



O tempo foi passando e a cidade foi construindo sua HISTÓRIA assim como eu também fui construindo a minha, com erros, mas graças a Deus com mais conquistas e vitórias...
Tive a oportunidade de morar em bairros diferentes, cada um com suas peculiaridades e encantos.


O caudaloso Rio Doce que corta Governador Valadares tem uma ilha muito bonita transformada em bairro, ligada a cidade por uma ponte.
Na ILHA DOS ARAÚJOS residi por muitos anos e desfrutei de paisagens maravilhosas, uma experiência sem igual!!!
Abri muitos espaços, conheci muitas pessoas, fiz muitas amizades, que conservo  carinhosamente no coração.


Muitos quilômetros antes de entrar no município, quem chega a Governador Valadares avista, ainda na estrada, o PICO DO IBITURUNA - em tupi-guarani PEDRA NEGRA, majestosa, encravada na planície por onde serpenteia o caudaloso Rio Doce, ela é ponto de referência para todos que por aqui passam.

O PICO DO IBITURUNA pode ser avistado de todos os bairros da cidade, de frente, de lado, as vezes retorcido, coberto de vegetação bem verdinho, ou acinzentado escuro, após um ato irresponsável das queimadas.
Da sua parte mais alta se tem uma das vistas mais bonitas da cidade.
Não há quem não se encante com tamanha beleza!!!

O pôr do sol visto do PICO DO IBITURUNA é um momento de rara beleza. A magia do entardecer se enche de brilho quando as luzes da cidade se acendem e transformam Governador Valadares numa cidade progressista.

Esse pico é conhecido como “Plataforma Mundial de Vôo Livre”, é o principal atrativo de fomento do turismo Valadarense. 
Pilotos nacionais e internacionais exibem com audácia e muita perícia suas ASAS DELTAS e seus PARAGLIDERS, nos céus de Governador Valadares fazendo manobras arrojadas deixando todos de "queixo caído" com tamanho espetáculo que vale a pena ser apreciado!!!

Com 1.123m de altitude acima do nível do mar e 990 metros em relação ao nível do Rio Doce, o PICO DO IBITURUNA  possui as melhores térmicas do mundo e se consagra como cenário nacional e internacional na prática do vôo livre.
Eu tenho um respeito muito grande por esse tesouro valioso que a Mãe Gaia com sua benevolência oferece de presente a todos. 

Além do vôo livre, a área do pico é propícia para a prática de outros esportes de aventura e é base de estudos e planejamento turístico.
Com seus 73 anos, a cidade pode ser considerada uma  JOVEM  METRÓPOLE,  tem tudo para continuar crescendo, para alcançar vôos cada vez mais altos...   



Como estou de partida para outra cidade das Minas Gerais deixo registrada minha singela homenagem a cidade de Governador Valadares.
Optei por levar comigo apenas as boas recordações daquilo que aqui vivi e aprendi ...


Desde a minha chegada nessa terra, ainda menina, fui acolhida de braços abertos!!!
Muito obrigada, Governador Valadares pela bonita história de amor que vivenciamos juntas durante tantos anos!!!
Que Nossa Senhora das Graças continue abençoando esse torrão e sua gente lá do alto do Pico do Ibituruna!!!
Até mais!!!Sentirei saudade!!!
Regina Coeli

16 comentários:

  1. Regina, um verdadeiro tratado de amor esta tua história de amor por Governador Valadares e seus recantos. Fiquei arrepiada enquanto lia, tuas emoções ultrapassando as palavras e todas as fronteiras, até chegar aqui...vc é um encanto de gente, uma fonte de ternura que me emociona!

    Adorei tua descrição, fui te seguindo no City tour...rs...esta ilha não é minha, apesar de ser "dos Araújos"...rs, mas imaginei a travessia e muitas ideias me ocorreram sobre morar cercada por água...enfim, na homenagem envolvente que prestou, expôs mais do que território, tua alma.
    Desejo que nessa etapa nova de sua vida tudo dê certo, mas quem for avizinhar com vc e partilhar de tua sabedoria de vida, não tem ideia do tesouro que vai ganhar. Sê feliz, minha querida e doce Regina, vou aguardar a apresentação de teu novo ninho de amor, como sempre fez da "Casinha feliz"...um enorme abraço e minha admiração carinhosa!

    ResponderExcluir
  2. Tia Regina, senti todas as suas emoções lendo sua já saudosa despedida, não contive a lágrimas e saudade apertou meu coração. GV sentirá sua falta, uma filha que aqui cresceu, viveu, se dou a esta cidade com tanto amor jamais será esquecida por tantos quantos tiveram a oportunidade de conviver. Experiências que são mais que palavras e sentimentos que são mais que fortes abraços, são presente recíprocos que não podemos deixar as oportunidades passarem e levarem consigo sem antes deixar suas marcas em nossas vidas, e, eu posso e vou sempre agradecer a Deus pelo previlegio de ter convivido com você e com nossa amiga Rita de Cássia, agradeço também a vocês por tudo que fizeram por mim e acredito que distância jamais será impelicio para estarmos juntas, pois a nossa maior ligação está no coração onde ninguém poderá nos roubar. Cultivarei estas flores no meu jardim e elas jamais murcharão.
    Um forte abraço a você e um outro para Rita. Deus as abençoe sempre.
    Rosi.

    ResponderExcluir
  3. Querida Regina, que jeito lindo de mostrar sua cidade, com as lentes do coração.
    Mudança sempre é dolorida, mesmo com horizontes pulsantes em exuberância, sei bem como é...
    Narrativa tão íntima e sincera, só poderia ser feito por uma pessoa tão nobre e com coração delicado, como você.
    Gde abraço, e que Deus te abençoe hoje e sempre.
    Em divina amizade.
    Sônia Guzzi

    ResponderExcluir
  4. que texto bonito... senti como se fosse uma viagem no tempo, passado, presente e um futuro que virá em outro lugar...
    a cidade cresceu bastante né. todo mundo no Brasil conhece, ouviu falar pelo menos, pela força da indústria local. eu gosto muito dessa descrição que vc fez da cidade pequena, tranquila... deve ter sido uma época tão boa, gostosa de viver. gosto de cidade pequena de interior, mesmo aqui no Japão moro em cidade pequena (sou paulistano, já tive stress demais nessa vida, obrigado rs)

    linda homenagem à cidade que te acolheu com amor, bonita prova de gratidão, um dom das almas evoluídas.

    bom dia

    ResponderExcluir
  5. Perfeita sua descrição da cidade. Porém ela não seria nada disso se não fossem seus olhos. Valadares que perde muito não tenho mais uma "filha" como você. Que venha Araxá e que essa mudança seja abençoada. Estou sentindo muito sua falta. Beijos, Rafael.

    ResponderExcluir
  6. Regina, mudanças até mesmo físicas as vezes são necessárias. O importante e que você esteja certa do que está fazendo, porque está fazendo, enfim, consciente. Tudo vai dar certo. Depois você nos mostra sua nova casa? Até imagino o que você vai aprontar por lá. Com esse talento e esse seu bom gosto...
    Tudo na vida tem um porque, a gente é que as vezes não sabe...
    Grande beijo querida, vai com Deus.

    ResponderExcluir
  7. Emocionada e pensando...Um dia senti este apertinho também, deixei minha terra natal e vim em busca de um futuro melhor. E agora vivendo esse futuro, leio o seu texto e acredito que Deus nos planta onde podemos florescer, e está mais perto o dia que vou olhar por cima do meu muro e te ver atras daquele morro.Beijos

    ResponderExcluir
  8. Minha querida Regina, vc me fez mais uma vez descobrir como Valadares é linda.Ainda bem que o SENHOR nos presenteou com poetas como vc.Com certeza por aqui não será mais a mesma coisa sem vc. Lembro de minhas visitas e papos gostosos em sua Casinha Feliz, os causos de Sr.Silvio nas minhas visitas, das conversas com D. Laura e de seu porte de gênio, te achava o máximo, enfim aqui o coração tá doído,e a saudade já tá batendo na porta espero que vc não se esqueça de mim.Beijos!Iraci.

    ResponderExcluir
  9. Mª Angela Gualberto10 de março de 2011 16:20

    Regina,
    Como sempre suas palavras nos leva a vivenciar as suas emoções.
    Valadares não será a mesma sem você e nossos corações estará para sempre com um pequeno ponto escuro: "saudade da Regina!"
    Felicidades para você e a Rita na Casinha viçosa!
    Um abraço carinhoso!

    ResponderExcluir
  10. Regina, quando a Rita me falou no consultório que você havia feito uma mensagem de despedida de Valadares, não tinha imaginado que seria com tanto amor, com esta riqueza de detalhes, e sobretudo todo este carinho pela nossa cidade! Penso que apesar de ter nascido e sido criada aqui, não saberia escrever tudo isto. Somente você soube dar um olhar verdadeiramente poético e maravilhado para todas as suas lembranças.
    Como "cria" desta cidade só posso agradecer à Deus por você ter feito parte de sua história e da minha também, vocês são responsáveis por me fazer sempre acreditar que podemos ter amigos em todos os "setores" da vida , e principalmente no trabalho, sempre amei estar com vocês no meu!!!

    Beijos!
    Luiza

    ResponderExcluir
  11. Coelliiii... Que linda homenagem à sua GV... Com absoluta certeza você fará muuuiiita falta nela, mas como disse Primalice: "Deus nos planta onde possamos florescer..."!! Que Araxá lhe faça tão ou mais feliz!!! E, a propósito, já pensou em escrever um livro?? Hummm, então acho bom começar a pensar... vc é muuiiito boa nisso!!!
    bjuuu, minha querida!!!

    ResponderExcluir
  12. Gostei muito da cidade de Governador Valadares, pelas fotos que vi. Esta é a terra natal da minha ex-empregada Maria, que trabalhou na minha casa em Lisboa. Felizmente para ela, regressou e com o que amealhou deu uma reforma na sua cas e mais conforto a seu filho.
    Gostava um dia de visitar esta cidade. Paulo Barral - Évora - Portugal

    ResponderExcluir
  13. Ola boa tarde
    ja passei aqui mas tem tempoooo
    que bom que ainda tem seu blog
    contando um pouco sobre nossa cidade Gov.Valadares
    vou aproveitar e copiar uma foto que gostei muito
    um abraço pra ti

    ResponderExcluir
  14. BOM DIA.
    Gostaria de conhecer um pouco de Gov. Valadares.
    Lendo algo da cidade fico querendo conhecer melhor.
    se poder ajudar obrigada,

    BETH

    ResponderExcluir
  15. Sou de Gov. Valadares desde quando nasci, apesar dos problemas enfretados na cidade viajo e nao encontro uk lugar tao prazeroso como minha eterna GV... a tranquilidade de pode dealocar pra quakquer lugar e ve suas bonitas paisagens, hora devastados por descuidos de algum. Eu queria vê nossa cidade em um patamar mais deslumbrante com um governo que se importe com as importancias de nossa Gv, uma cidade que ja foi e deveria voltar a ser referencia no cenario Mineiro e Nacional.

    ResponderExcluir
  16. UM DIA NAO TAO DISTANTE VOU MORAR AI DE NOVO
    ASSIM COMO VOCE AMO ESTA CIDADE DE CORAÇAO

    ResponderExcluir